Finalidade do produto:

  • Traumas em geral: mudança brusca do clima, frio, geada, estresse hídrico, calor excessivo, granizo, poda, transplante, tutoramento, dano por ataque de insetos, desfolha;
  • Plantas que após o trauma enfraquecem e aumentam a susceptibilidade de pragas e doenças;
  • Plantas que diminuem a florada e produção pelos traumas do ano anterior sejam por falta ou excesso de temperatura ou água;
  • Plantas que nunca se recuperaram por completo após uma situação de trauma;

 

Culturas indicadas: fruteiras, tomate e outras hortaliças de frutos, folhosas, morango, trigo, batata, videira e café.

 

Potência ativa: preparado homeopático Arnica paulista CCLM6

H21 - ARNICA PAULISTA

PreçoA partir de R$ 99,00
  • Dose: 5ml/ha ou 3 gotas para 100m² - sempre respeitar a dosagem, caso tenha necessidade de resultado mais rápido repetir as aplicações mas não aumentar a dose.

    Tecnologia de aplicação:

    • Aspersão: Podem ser aplicados em baixa dosagem - 20l/ha - desde que todas as plantas recebam uma pequena dose em algumas folhas. Pode também ser aplicada em maiores vazões. Em Pomares e cafezais pode se aplicar em ruas puladas aplicando apenas de um lado da planta.

     

    • Irrigação: Pode ser aplicado via irrigação por aspersão nas folhas ou solo, e também por gotejo. Cuidado de fazer a injeção da homeopatia quando o sistema já estiver estabilizado, importante continuar a irrigação para molhar o solo de forma que a homeopatia chegue até as raízes.

     

     

    • Mistura em tanque: pode fazer mistura no tanque de aplicação com produtos químicos, biológicos, adubos foliares. Sempre preparar a calda de aplicação e por ultimo adicionar a homeopatia. Não fazer diluições e agitações prévias do produto homeopático.

     

    Armazenamento: Abrigar ao abrigo do sol, e longe de equipamentos eletrônicos.

    Validade: 2 anos

    Veículo: Álcool 70%

     

    Preparado homeopático agrícola isento de registro no Ministério de Agricultura (MAPA). Uso na agricultura orgânica permitido sem restrição conforme portaria nº52 de 15 de março de 2021.

    Responsável técnico: Eng. Agrônomo João Nabuco Galvão de Barros CREA/SP: 5070765971