lavoura de soja, cafezal e cultivo orgânico de morango
H17 500ML.png

CONTROLE NATURAL DE PRAGAS E DOENÇAS!

Desde 2009 produzindo Força e Resistência

para sua lavoura!

H17 30ML.png

CULTURAS

CAFEICULTURA

H17 - FERRUM TARTARICUM

  • Controle de bicho mineiro e ferrugem;

  • Resistência contra cercospora;

  • Maior persistência de folhas;

  • Resistência contra estresse hídrico.

Sugestão de uso:

  • 3 a 6 aplicações no ano.

H21 - ARNICA PAULISTA

Prevenção e recuperação de estresse:

  • Brotação vigorosa e uniforme.

  • Transplante das Mudas;

  • Frio, geadas;

  • Colheita;

  • Podas;

Sugestão de uso:

  • 3 a 6 vezes ao ano, dependendo do estresse enfrentado.

 

"Meu café brotou rapidamente com o uso da H21 após a geada. As folhas estão com um verde bonito e a brotação está uniforme."

Sílvia cafeicultora em Serra Negra

"Após 10 dias da primeira aplicação da H17 o bicho mineiro secou nas folhas, também observei que as folhas estão mais verdes e brilhantes. Não vejo mais borboletas voando, a infestação está controlada"

Valsoir cafeicultor em Araquari

"Com o uso da H17 a ferrugem está controlada a planta brota uniforme e com um verde bonito."

Adelina cafeicultora em Claraval

"Depois que aplicamos a H17 a ferrugem ficou controlada, segurou a desfolha e melhorou a resistência a seca."

Roger cafeicultor em Santo Antônio do Amparo

 
GRÃOS

H17 - FERRUM TARTARICUM

SOJA:

  • Resistência a percevejo, cascudinho, fusarium, lagarta e nematoides.

  • Diminui abortamento das vagens, melhora a produtividade e enraizamento.

MILHO:

  • Resistência à cigarrinha, pulgões e ao estresse hídrico.

 

TRIGO:

  • Resistência ao estresse hídrico e manchas foliares.

FEIJÃO:

  • Resistência a lagarta, mosca branca e doenças foliares.

Sugestão de uso com 4 a 6 aplicações:

  • 1 aplicação no TS, pode ser no sulco ou jato dirigido;

  • 2 aplicações no vegetativo junto das outras pulverizações de rotina;

  • 3 aplicações no reprodutivo que podem ser feitas junto das outras pulverizações de rotina.

 

Esta sugestão pode ser adaptada conforme a rotina de pulverizações da fazenda.

 

"As plantas conseguiram suportar o estresse hídrico e quando voltou a chover retomaram rapidamente o crescimento"

Armando produtor em Batatais

"Pegamos safra e safrinha de muita seca no Paraguai e a área tratada foi a que melhor suportou o estresse e teve a maior produtividade"

Daniel consultor no Paraguai

"As plantas crescem vigorosas e com bem menos ataque de lagarta."

Ricardo produtor em Perolândia

"Temos tido menos problema com lagartas e estresse hídrico, observamos que na área com nematoide as plantas tratadas se saíram melhor."

Rodrigo produtor em Primavera do Leste 

TOMATE 

H41 - AMALGAMA RUBRO

Resistência contra viroses, podridões no fruto, mofo cinzento, besouros e lagartas.

Melhora tamanho e sabor dos frutos.

Rotina:

  • Aplicar 2 vezes na semana desde o transplante

 

H21 - ARNICA PAULISTA

Recuperação de podas, transplante, granizo, vento, capina, seca no frio:

  • 3 dias seguidos em traumas severos.

 

Geadas ou frio:

  • 1 vez na semana durante todo período de frio;

  • Aplicar todos os dias de geada, antes e depois;

 

Requeima:

  • Alternar as aplicações da H21 (1 vez/sem.) com a H41 (3 vez/sem.) - enquanto tiver as condições favoráveis a doença.

 

H2 - ARSENICUM TARTARICUM

Resistência contra insetos:

  • Traça, ácaros, mosca branca, percevejos, vaquinhas e grilos.

Sugestão de uso:

  • 3 vezes na semana até controlar a infestação.

 

"Utilizamos a H2 e H21